Saúde dos homens: alertas e prevenção.

Saúde dos homens: alertas e prevenção.

Os homens vivem, em média, 7,6 anos a menos que as mulheres, e é por essa razão que a saúde dos homens possui alguns alertas para a prevenção. Estes números estão mais ligados aos hábitos de vida do que à genética – ou seja, homens se preocupam menos com a saúde.

Quando se trata de saúde e bem-estar, uma parcela considerável dos homens ainda é muito negligente. Esse é um dos motivos que levam os brasileiros a terem menor expectativa de vida do que as mulheres.

Porque os homens devem valorizar o check-up?

Cuidar da saúde é também prevenir. E é por isso que médicos e especialistas recomendam a realização de consultas e exames preventivos. Além de monitorar as mudanças no organismo, esse acompanhamento permite que o histórico do paciente seja avaliado de forma completa e contínua.

Além dos exames de rotina como hemograma, eletrocardiograma, colesterol e glicemia, o check-up de cuidados com a saúde do homem também deve incluir os específicos, principalmente para aqueles acima dos 40 anos, como o exame de toque.

Doenças que afetam a saúde do homem

E, quando os homens não acabam cuidado da saúde da forma correta, estão mais propícios a terem doenças graves, sendo as mais frequentes listadas abaixo:

Câncer de Pele

O câncer de pele é o tipo da doença que mais atinge homens e mulheres, dividindo-se em dois tipos: melanomas e não melanomas. A maioria dos casos tem origem na irradiação solar, e são eles os que menos usam o filtro solar, imprescindível na prevenção da doença.

Câncer de Próstata

Este é o segundo tipo de câncer que mais atinge os homens, principalmente a partir dos 40 anos. As chances de cura do câncer de próstata são altas quando o diagnóstico e tratamento são realizados no início. É indicado a realização periódica do exame de PSA – Antígeno Prostático Específico – e também da consulta ao urologista, onde é indicado a realização do exame de toque retal.

Câncer de testículo

Apesar de atingir os homens em menor proporção, diferentemente do câncer de próstata, o câncer de testículo é mais comum na fase reprodutiva, dos 15 aos 50 anos. As chances de cura também são altas quando o tratamento é realizado ainda no início.  Para a sua detecção, é essencial que os homens realizem o autoexame mensalmente, e consultem o urologista caso percebam alguma alteração.

Câncer de Pulmão

O câncer de pulmão atinge quase duas vezes mais homens do que mulheres, e a maioria dos casos está relacionada ao tabagismo. Tosse constante, dor no tórax, escarros com sangue e falta de ar são alguns dos principais sintomas.

Saúde dos homens: alertas e prevenção.
É fundamental exames preventivos também para a saúde masculina.

Doenças Hepáticas

As doenças hepáticas, aquelas que atingem o fígado, também são mais comuns nos homens.  Alguns exemplos são: cirrose, hepatites, esteatose e câncer de fígado. Esse tipo de doença pode ser resultante tanto de heranças genéticas ou vírus, quanto de uso excessivo de álcool e hábitos de vida pouco saudáveis.  Obesidade e idade avançada também aumentam a probabilidade de adquirir uma doença hepática.

Doenças Cardiovasculares

As doenças do coração são as principais causadoras de morte no Brasil e, novamente, a incidência também é maior entre os homens, que inclui infarto do miocárdio, insuficiência cardíaca e acidente vascular cerebral.  A prevenção inclui hábitos de vida saudáveis, como alimentação, e prática de exercícios físicos, além de acompanhamento médico periódico.

Como é possível perceber, a maioria das doenças que mais atingem a saúde dos homens está associada a hábitos de vida pouco saudáveis, excesso de ingestão de gordura, álcool e cigarro, além da falta de realização de exames preventivos.

É muito importante que os cuidados com a saúde se tornem parte da rotina da população masculina, o que melhora não só a expectativa de vida, mas também a relação com a família e as pessoas próximas.