O que é Metabolismo e qual a sua importância?

O que é Metabolismo e qual a sua importância?

O metabolismo é o conjunto de todas as reações que ocorrem no organismo para controlar os recursos materiais e energéticos, de forma a suprir as suas necessidades estruturais e energéticas.

Essas reações são catalisadas por diversas enzimas e têm como objetivos: obtenção de energia química; conversão das moléculas dos nutrientes em precursoras de macronutrientes.  Os Macronutrientes são: aminoácidos, bases nitrogenadas, açúcares e ácidos graxos; produção de macromoléculas, como proteínas, ácidos nucleicos, polissacarídios e lipídios.  Contudo, existe uma extensa lista de substâncias químicas agindo para que tenhamos energia.

Pareceu complicado?  É porque realmente é uma espécie de cadeia de reações químicas que ocorrem no nosso organismo, e que são muito importantes para o funcionamento pleno dele.  Além disso, uma ação meio que depende das outras.  Dessa forma, transformações ocorrem diariamente e silenciosamente no nosso corpo e nem sequer nos damos conta.

Tipos de metabolismo

As reações do metabolismo estão reunidas em duas vias metabólicas, o catabolismo e o anabolismo.

Catabolismo:

Também chamado de via degradativa, é um processo contínuo e compreende as reações que promovem a degradação das moléculas complexas em produtos mais simples, com a liberação de energia.

Além disso, a energia liberada pela via catabólica é utilizada pelo organismo para a realização das mais diversas atividades e podem ser classificadas como metabolismo aeróbico e metabolismo anaeróbico, como veremos a seguir:

Metabolismo aeróbico:

As reações ocorrem na presença de oxigênio, que, nas cadeias respiratórias, funciona como aceitador final de elétrons e combina-se com o hidrogênio para formar água. Dessa forma, no metabolismo aeróbico, os produtos finais das reações são água e gás carbônico.

Metabolismo anaeróbico:

As reações ocorrem na ausência de oxigênio. Por isso, os aceitadores finais de elétrons nesse tipo de metabolismo podem ser íons nitrato, sulfato, fumarato e também a amônia. Dentre os produtos finais dessas reações, podemos destacar o lactato (fermentação láctica) e o etanol (fermentação alcoólica).

Como conclusão, o saldo final de energia produzida no metabolismo aeróbico é maior do que no anaeróbico.

Anabolismo:

também chamado de via Biosintética, e compreende as reações nas quais moléculas complexas são produzidas a partir de moléculas simples. Portanto, para que as reações ocorram, é necessário o consumo de energia. Por isso, o anabolismo é essencial, por exemplo, para o processo de crescimento e manutenção do organismo.

Metabolismo energético

O metabolismo energético compreende o conjunto de reações que envolvem trocas energéticas no organismo. Para que essas reações ocorram, são necessários substratos energéticos, que são provenientes da alimentação. As principais fontes de energia utilizadas nessas reações são os carboidratos, os lipídios e as proteínas

Metabolismo basal

O metabolismo basal é a quantidade de energia que o organismo necessita para realizar as mais diversas funções. Cerca de 75% da energia produzida a partir da alimentação é utilizada para a realização das funções vitais do organismo, como a respiração, atividades do sistema nervoso e circulação.

É importante avaliar como anda o seu metabolismo, ou seja, o equilíbrio de reações químicas que o seu organismo anda produzindo, porque isso determina muitas coisas na nossa saúde.

Procure sempre manter um estilo de vida saudável, com atividades físicas regulares e boa alimentação.  Isso vai ajudar o seu metabolismo a ficar mais equilibrado tanto com as trocas, como com a produção energética.

Na dúvida, sempre consulte seu médico, ou nutricionista.