Boa alimentação pode afetar o humor e a ansiedade?

Boa alimentação pode afetar o humor e a ansiedade?

Uma boa alimentação pode influenciar diretamente no humor e evitar a ansiedade das pessoas.

Pesquisadores tem intensificado ao longo dos últimos anos as investigações sobre como os hábitos alimentares contribuem para o estado mental das pessoas.

Isso porque, uma das áreas da medicina que mais está avançando é a psiquiatria nutricional, justamente porque a alimentação pode contribuir tanto para euforia quanto para tristeza.

Afinal, você já deve ter ouvido falar a frase “nós somos o que comemos”. Por isso, a alimentação influencia diretamente na saúde mental das pessoas.

Quer entender como uma boa alimentação pode influenciar no humor e ansiedade? Descubra neste post!

Uma boa alimentação influencia na saúde mental

Segundo os especialistas, para que uma pessoa tenha uma vida bem-humorada e reduzindo a sensação de ansiedade, é preciso ter um equilíbrio no consumo de açúcares e gorduras.

Isso porque, esses alimentos formam um grupo alimentar que é a geradora de energia da maior parte do nosso organismo, mas o excesso causa desequilíbrios significativos para o corpo.

Assim, é possível entender que comer mal danifica o cérebro, num processo de oxidação, que pode aumentar dependendo da dieta.

A alimentação está ligada à ansiedade

As dietas ricas em açúcares e gorduras saturadas faz com que o corpo gere uma resistência do organismo à ação da insulina, não reduzindo assim a glicose nas células.

Assim, isso gera um desequilíbrio dos níveis glicêmicos, que é o responsável pela diabetes, uma quantidade alta de açúcar no sangue.

Mas e a ansiedade? O cérebro precisa de alimentos que atuem como anti-inflamatórios, gorduras simples e antioxidantes, que são encontrados em frutas, verduras, legumes e até o vinho.

Assim, o efeito é restaurador para o órgão, que protege do estresse e equilibra os neurotransmissores que são responsáveis pela regulagem das emoções.

Então, se o nosso cérebro não recebe esse “combustível”, os neurotransmissores se desregulam e as emoções são seriamente afetadas.

Portanto, uma boa alimentação é a responsável pelo humor e principalmente por conter os sintomas de ansiedade, que geram, inclusive, a compulsão alimentar.

Boa alimentação pode afetar o humor e a ansiedade?
Nossos alimentos possuem uma relação com nosso estado de humor, muito além das causas orgânicas, mas das afetivas também.

A influencia direta da alimentação nas emoções

Para entender quais são os alimentos que fazem a diferença positiva e negativa nas reações e emoções das pessoas, separamos os 3 melhores e piores alimentos.

Alimentos essenciais para o humor

Ovo

Um dos alimentos que é responsável pela produção de serotonina e dopamina é o ovo. Além disso, ainda é rico vitaminas do complexo B, muito importantes para equilibrar o humor das pessoas.

Banana

A banana é mais um alimento rico em triptofano, responsável por manter os níveis de humor, além de carregar a vitamina B6, que ajuda a combater a irritabilidade e a ansiedade.

Espinafre

Este alimento tem altos níveis de potássio e ácido fólico, o que ajuda a combater a depressão e as doenças degenerativas.

Alimentos inimigos do bem-estar

Refrigerante

O primeiro alimento é uma das bebidas mais consumidas, o refrigerante. Com uma alta dose de açúcar simples, que é rapidamente absorvida pelo corpo, os níveis de glicose fazem pico quando o refrigerante é consumido.

Assim, a queda brusca da glicose gera a sensação de desânimo e tristeza pela falta de energia que o refrigerante entrega.

Cafeína

A cafeína é responsável pela liberação de dopamina e serotonina em pequenas doses. Com isso, deixa a pessoa mais agitada porque mexe diretamente na adrenalina.

Portanto, o consumo em grandes quantidades pode elevar a irritação, ansiedade e deixar a pessoa inquieta.

Frituras

Carboidratos refinados, sal e gorduras saturadas são os elementos principais que as frituras carregam. O seu consumo gera picos de energia que causam o mau humor e o cansaço.

Portanto, uma boa alimentação influencia diretamente no humor e ansiedade das pessoas. Por isso, é preciso saber evitar e equilibrar o organismo.