Blog

Tudo sobre alergia a medicamentos

Tudo sobre alergia a medicamentos
2 comentários

É realmente muito complicado quando você toma um remédio com o objetivo de tratar alguma doença ou problema momentâneo, e de repente você sofre uma reação alérgica insuportável.

Mas você sabe por que isso acontece? Bem, a alergia a medicamentos ocorre quando o seu sistema imunológico é sensível a substâncias ou a princípios ativos que geralmente não fazem mal algum. Isso traz uma série de sintomas ruins, como coceira forte, vermelhidão na pele, inchaço em partes do corpo, dificuldade de respiração, coriza e até febre alta. Além disso, o paciente pode sofrer um choque anafilático, que se não for tratado com urgência, pode causar sua morte.

Para tratar uma alergia medicamentosa, o ideal é que a pessoa afetada procure imediatamente um médico para receber os remédios que amenizem os sintomas.

Quer saber mais sobre alergia a medicamentos? Leia o texto completo logo a seguir!

Acebrofilina adulto xarope 10mg/ml c/120ml CIMED

R$17.58 R$10.41

SAIBA MAIS
Medicamentos genéricos em comprimidos | Drogaria Pop

Aceclofenaco comp 100mg cx c/12 RANBAXY

R$31.56 R$16.64

SAIBA MAIS
Medicamentos genéricos em comprimidos | Drogaria Pop

Acetato de ciproterona + etinilestradiol 2,0+0,035mg cx 21 comp MELCON

R$18.42 R$10.51

SAIBA MAIS

Aciclovir cr 50mg c/10g CIMED

R$22.00 R$15.30

SAIBA MAIS

Poucas coisas no mundo são tão incômodas quanto a alergia, independentemente do seu tipo. Mas se tem uma coisa que frustra qualquer um é ter que tomar um medicamento e depois descobrir que você é alérgico a ele. Infelizmente, a alergia medicamentosa é uma realidade na vida de muitas pessoas, mas a maioria não entende por que isso acontece.

O blog da POP vai ajudar a esclarecer mais esse assunto importante. E ao fim do texto, se você ainda estiver com dúvidas, deixe sua pergunta no campo de comentários! 😉

O que causa a reação alérgica a um medicamento?

A alergia a medicamentos costuma acontecer quando o paciente tem alguma hipersensibilidade no sistema imunológico, levando o corpo a responder mal contra uma substância que geralmente é inofensiva à maioria das pessoas, ou seja, não é capaz de fazer nenhum mal.

É incomum que as pessoas apresentem reações aos medicamentos que estejam tomando, mas é fato que a maioria dos remédios podem causar alguma reação adversa. Estas variam desde efeitos colaterais mais fracos, como náuseas e vômitos, até respostas alérgicas mais graves, como o choque anafilático mortal (reação alérgica aguda e que pode levar à morte). Além disso, alguns efeitos podem ser diferentes do previsto na bula do medicamento. Por exemplo, uma simples aspirina pode levar a um quadro de asma.

Sintomas da alergia a medicamentos

Os sinais de que você está tendo uma reação alérgica ao medicamento costumam aparecer apenas alguns minutos depois que você o ingeriu. No caso de uma injeção, a alergia começa de forma instantânea.

Os sintomas são:

  • coceira e pele bem vermelha;
  • língua e/ou rosto inchados;
  • olhos vermelhos e com lágrimas;
  • dificuldade para respirar;
  • coriza (aquele líquido incômodo que sai pelo nariz);
  • febre alta (geralmente acima de 38°C).

Os indivíduos que sofrem com o choque anafilático costumam ter sintomas muito mais intensos, como tonturas, desmaio, confusão mental, diarreia e aumento significativo dos batimentos cardíacos.

É extremamente importante que, ao sentir os sintomas de uma reação alérgica, seja ela grave ou moderada, o paciente procure imediatamente um médico.

Tenho alergia ao medicamento. O que fazer?

Como dissemos, a primeira coisa a fazer é procurar um pronto-socorro para que o tratamento comece o mais rápido possível.

No hospital, o médico receitará injeções que têm efeito antialérgico e anti-histamínico, como a Hidroxizina. Essas injeções ajudam a diminuir a coceira e o inchaço. O próximo passo é fazer nebulizações com broncodilatadores, que abrem as vias respiratórias e tiram a sensação de sufocamento que a reação pode trazer. Nos casos mais leves, o paciente não costuma ficar internado, pelo contrário, assim que os sintomas passam ele é liberado para retornar para casa.

Quando a pessoa está em estado de reação anafilática, além de todo o processo citado, deve receber injeções de adrenalina. Também é necessário que ele permaneça internado até que seja feita uma avaliação dos seus sinais vitais. Esse procedimento é essencial para garantir que o choque anafilático não volte.

É possível evitar a alergia a medicamentos?

A resposta para essa pergunta é bem fácil: a única forma de evitar uma alergia medicamentosa é não tomar o medicamento que lhe faz mal. Ou seja, se você não sabe que tem alergia a certas substâncias e nunca fez um exame para detectar os tipos de intolerância que seu organismo tem, você só descobrirá depois que tomar o remédio e sentir alguma reação.

Caso você saiba que tem alergia a substâncias e princípios ativos específicos, sempre que for iniciar algum tratamento com drogas, avise ao médico sobre suas intolerâncias. Assim, ele poderá adaptá-lo a isso.

E aí, dúvidas esclarecidas? Se não, envie um comentário para nós, que teremos grande prazer em respondê-lo!

Genéricos você encontra na POP!

Se você é daqueles que precisa tomar remédios específicos frequentemente ou que gosta de ter sempre os medicamentos básicos em sua farmacinha particular, precisa conhecer a POP. Temos 15 lojas espalhadas pelo estado do Rio de Janeiro e somos referência em genérico barato.

Não quer ir às lojas? Não se preocupe! Você pode adquirir seus medicamentos pela nossa loja virtual, com a comodidade que você merece!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *